Domingo, 12 de Julho de 2009

Memória de Elefante

Em 1986, Peter Davies estava de férias no Kenia depois de se graduar na Northwestern University.

Em uma caminhada ele avistou um jovem elefante que estava com uma pata levantada. O elefante parecia muito estressado, então Peter se aproximou muito cuidadosamente. Ele ficou de joelhos, examinou a pata do elefante e encontrou um grande pedaço de Madeira enfiado.

O mais cuidadoso e gentil possível, Peter removeu com a sua faca o pedaço de madeira e o elefante cuidadosamente colocou sua pata no chão.

O elefante virou para encarar o homem com grande curiosidade no seu rosto, e o encarou por tensos e longos momentos. Peter ficou congelado pensando que seria pisoteado. Depois de um certo tempo o elefante fez um barulho bem alto com sua tromba, virou e foi embora. Peter nunca esqueceu o elefante e tudo o que aconteceu naquele dia.

 Vinte anos depois, Peter estava passando pelo Zoológico de Chicago com seu filho adolescente. Quando eles se aproximaram da jaula do elefante, uma das criaturas se virou e caminhou para um local próximo onde Peter e seu filho Charles estavam. O grande elefante encarou Peter e levantou sua pata do chão e a baixou, repetindo varias vezes, emitindo sons altos enquanto encarava o homem.

Relembrando do encontro em 1986, Peter ficou pensando se aquele era o mesmo elefante. Peter reuniu toda sua coragem, escalou a grade e entrou na jaula. Ele andou diretamente até o elefante e o encarou. O elefante emitiu outro som alto, enrolou sua tromba na perna de Peter e o jogou contra a parede, o matando.

Provavelmente não era a mesma porra de elefante de 1986.

tags: , ,
descrataquizado por oddie às 20:44
link do post | comentar | favorito
6 comentários:
De Mari a 12 de Julho de 2009 às 21:15
meu, que doido.
De Angee a 12 de Julho de 2009 às 23:49
Definitivamente existem pessoas que não percebem o perigo,pois acham que já conhecem as coisas do mundo no entanto sempre haverá perigo para a alegria dos necrotérios, faculdades de medicina e fármacos.

Sempre haverá perigo!

Sempre!

De oddie a 13 de Julho de 2009 às 16:02
enquanto vc estiver por perto, é melhor eu sempre manter em dia o pagamento do meu seguro de vida.
De Guida a 13 de Julho de 2009 às 17:05
Definitivamente não era, ou então ele estava de mau-humor! Vai entender :P
será que eu sou má por ter morrido de rir da história?! ;|
e como você fez a nuvem de tags ai do lado? tentei fazer uma, mas não achei o código ;~
De Anónimo a 13 de Julho de 2009 às 18:02
Caramba, achei que a história ia ter um fechamento lindo, tipo, viveram felizes para sempre! rsrsrs..

Débora
http://osenhorpresenteesta.blogspot.com/
De Alessa a 13 de Julho de 2009 às 21:50
Vixi nao esperava esse fim, estava até me emocionando.
=o
Humor negro...legal.

http://lagrimas-doem.blogspot.com/

Comentar post

.Abril 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Deus Quis.

. tristessa, je t'aime

. Ganimedes 76, Piva

. Chaos Reigns

. Mulata

. É esse cigarro, toda manh...

. Não comerei da alface a v...

. Rato Ruim

. Enquanto o Mundo Explode

. e agora um Deus dançou em...

.arquivos

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO